15.12.09

Freyre

Flip 2010 vai celebrar Gilberto Freyre
Folha de São Paulo - 15/12/2009 - Por Marcos Strecker

A Festa Literária Internacional de Paraty (Flip), o evento literário de maior prestígio do país, vai homenagear em sua oitava edição o sociólogo pernambucano Gilberto Freyre (1900-87). O diretor de programação da Flip, Flávio Moura, também anunciou que o evento terá sua data alterada para não coincidir com a Copa do Mundo: a 8ª Flip vai de 4 a 8 de agosto. Moura não quis adiantar nenhum nome entre os convidados. Freyre é um dos nomes essenciais para os estudos de interpretação do Brasil. "A ideia é que a discussão em torno da sua obra possa trazer para o primeiro plano questões que estão na ordem do dia. A tentativa de fixar uma "identidade brasileira", a volta do ufanismo nesses últimos anos de era Lula, as aspirações de protagonismo do Brasil no cenário internacional", diz Moura. Freyre ganhou em 2008 uma retrospectiva no Museu da Língua Portuguesa. A maior parte das suas obras está sendo reeditada pela editora Global. A editora vai lançar em julho, na véspera da Flip, um inédito do sociólogo que deve provocar muito debate em torno de sua figura, já bastante polêmica. Trata-se da segunda parte de suas memórias, De menino a homem, obra inédita que permanecia na Fundação Gilberto Freyre, em Recife. O texto é um conjunto de reflexões biográficas que já em seu início se anuncia como uma continuação de Tempo morto e outros tempos, o livro de memórias de Freyre que abarca o período de 1915 a 1930.